Atos de bondade podem ajudar a tratar depressão 

Estudo revela que praticar boas ações alivia os sintomas da doença

Redação FamiliarIdades
Ao praticar atos de bondade, voluntários desviaram a atenção dos seus próprios problemas. Foto: Getty Images.
Ao praticar atos de bondade, voluntários desviaram a atenção dos seus próprios problemas. Foto: Getty Images.

Combater a depressão e a ansiedade pode ser um desafio constante para algumas pessoas. Pois tratamentos terapêuticos e até medicamentos nem sempre têm o resultado esperado. Mas e se existisse uma alternativa simples e acessível que realmente ajudasse a minimizar os sintomas? A resposta pode estar em algo muito simples: a bondade.

Um estudo da Universidade Estadual de Ohio, nos EUA, publicado no The Journal of Positive Psychology, mostra que fazer bem aos outros podem ter um impacto significativo na saúde mental das pessoas.

Para chegar a essa conclusão, os pesquisadores analisaram participantes com sintomas de depressão ou ansiedade. Eles foram submetidos a três tipos diferentes de situações: atos de bondade, atividades sociais e uma breve terapia comportamental, prática que analisa e intervém na forma como lidamos com as emoções. 

Todas as abordagens reduziram os sintomas de angústia e melhoraram a satisfação com a vida. Contudo, os atos de bondade se destacaram. Segundo a equipe, “eles oferecem benefícios diferentes da maioria das interações sociais” com melhores resultados.

Uma das descobertas interessantes do estudo foi que, ao praticar esses atos de bondade, os participantes desviaram a atenção dos seus próprios problemas, trazendo um alívio temporário de seus sintomas.

Gentileza gera gentileza

É importante destacar que os efeitos dos atos de bondade não se limitam apenas a quem faz. Esses gestos positivos são contagiantes, fazendo com que as pessoas que recebem se tornem também mais generosas, criando assim uma corrente do bem.

Atos de bondade diários podem contribuir para melhorar  o humor, aumentar a felicidade e a autoestima. O que pode parecer um gesto pequeno pode ter um impacto transformador, não só na vida de quem recebe, mas também de quem pratica a bondade.

Contato com a natureza faz bem ao coração

Incluir o verde na rotina também pode melhorar o bem-estar. Pesquisas indicam que o contato com a natureza colabora para o aumento da atividade física. Consequentemente, melhora as funções cognitivas e a saúde do coração. Além disso, reduz níveis de estresse e sintomas de ansiedade e depressão. Saiba mais aqui.

Link copiado